ANIVERSARIANTES DA SEMANA   

08-Zenaide Ferreira

08-Mizael Meireles (Neto/Adeilda)

08-Brenda Edinalva (E. Sátiro)

09-Joseline (Line)

09-Warley Lamartine

10-Mª José Costa, 

LEMBRANDO:

1)    A Escola Bíblica Dominical (temos classe para todos os segmentos de pessoas)

2)    O culto de oração e estudo bíblico nas terças-feiras, e o culto de oração da quarta-feira (Circulo Oração)

3)    O dízimo do Senhor para mantimento de sua obra através do ministério da III IEC/JPA

CLASSE DE CASAIS: no próximo domingo, no período da manhã, os casais de nossa Igreja estarão se reunindo para um momento de reflexão e oração. Esse momento é de responsabilidade do casal Pastor Walter Moura e de sua esposa Raquel.

Tamanho da letra:

Um sintoma perigoso

 

 

A Bíblia fala de um homem chamado Demas que era colaborador de Paulo. A colaboração desse homem na obra do Senhor era tão importante que ele é mencionado numa saudação feita por Paulo em sua carta aos Colossenses (Cl 4.14). Para surpresa nossa na 2ª carta a Timóteo o apóstolo pede ajuda dizendo que tinha sido abandonado, ficando somente com a companhia de Lucas, tendo em vista o seu colaborador Demas ter desistido do que vinha fazendo, e Paulo diz a razão disso: “Porque Demas me desamparou, amando o presente século,...” 2 Tm 4.10.

A Bíblia diz que antes de sermos alcançados pela graça salvadora, vivíamos escravizados por aquilo que é terreno. “Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência” Ef 2.2. Diz ainda a Palavra de Deus que os crentes em Cristo ressuscitaram espiritualmente no dia da sua conversão e estão assentados nos lugares celestiais em Cristo Jesus (Leia Ef 2.6).

As Escrituras ainda nos revelam que os crentes não pertencem mais a este mundo. “... porque não são do mundo, assim como eu não sou do mundo” Jo 17.14. Isto quer dizer que o crente que outrora vivia só em função deste mundo dele foi tirado espiritualmente para viver de forma intensa a vida que Deus lhe deu em Cristo Jesus (Veja Cl 1.13; Fp 1.27).

As Escrituras recomendam que os crentes em Cristo pensem nas coisas de Deus e vivam em função delas. “Portanto, se já ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus. Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra” Cl 3.1,2.

Uma das características de uma alma convertida é justamente o desapego as coisas deste mundo. O Espírito Santo que nela habita a impulsionará para as coisas de Deus. “Porque Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade” Fp 2.13.

De acordo com os textos citados a pessoa que diz confessar a Jesus e vive só em função das coisas deste mundo, não tendo tempo para as coisas de Deus ou ela não nasceu de novo ou se nasceu de novo está apresentando um sintoma muito perigoso. Ela está dormindo espiritualmente. Essa pessoa precisa despertar, pois, está vivendo como se morta fosse. A recomendação divina para essas pessoas encontra-se em Ef 5.14, que diz: “... Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá”. O Senhor ainda recomenda através do apóstolo João que não amemos o mundo nem as coisas que nele há, pois quem faz isso não tem o amor do Pai nele (Leia 1 Jo 2.15-17).

Infelizmente temos observados que muitos de nossos irmãos, a exemplo de Demas, estão seduzidos pelas coisas deste mundo, muitas delas até lícitas, que os afastam da presença do Senhor, pois nem sequer acham tempo para frequentar regularmente os cultos da Igreja, dentre eles o de oração, o de doutrina e a Escola Dominical. Outros até trocam os cultos por uma novela, por um telejornal, por uma partida de futebol, por um lazer qualquer e até por coisas banais, fúteis.

Queridos é hora de despertar, pois quem só pensa nas coisas do mundo é inimigo da cruz de Cristo (Leia Fp 3.18,19).

Pr. Eudes Lopes Cavalcanti