Ateus processam igrejas evangélicas por realizarem cultos em escolas no Havaí

 

 

Duas igrejas evangélicas do Havaí estão sendo processadas por um grupo de ateus por alugar espaços em escolas públicas para realizar cultos religiosos. O processo movido contra as igrejas One Love Ministries e Calvary Chapel Central Oahu tem como base afirmações de que elas estariam pagando valores de aluguel inferior ao estipulado pelas escolas em que eles se encontram.

A denúncia foi feita pelos ateus, Mitchell Kahle e Holly Huber, devido a uma lei no país que permite que “denunciantes” com informação privilegiada exponham cobranças fraudulentas de empresas contratadas pelo governo. Porém, segundo o WND Education, o processo não cita nenhum exemplo em que as igrejas tenham apresentado uma declaração falsa para fraudar o governo.

O Alliance Defending Freedom, organização legal sem fins lucrativos que defende o direito das pessoas a viver livremente a sua fé, saiu em defesa das igrejas, afirmando que as acusações do processo não são apenas falsas como também vergonhosas.

Leia mais...

Pastor é perseguido no Brasil por trabalho de defesa dos Direitos Humanos em reservas extrativistas 

 

O pastor assembleiano Antônio Vasconcelos, 59 anos, atua como a principal liderança da unidade de conservação Reserva Extrativista do rio Ituxi, na cidade de Lábrea, sul do Amazonas.

Devido à perseguição sofrida por confrontar fazendeiros da região, tem direito à escolta do Programa de Proteção de Defensores de Direitos Humanos da Secretaria Especial de Direitos Humanos (SEDH).

“A luta começou quando me tornei pastor”, afirma Vasconcelos, que se diz cansado da “falta de preparo” das guarnições destacadas para lhe proteger. Diz ter sofrido “agressão verbal e autoritarismo”, e por isso decidiu “se arriscar” e abrir mão da escolta. A decisão foi notificada à SEDH em carta, recentemente. No documento, o pastor se queixa da pressão sofrida: “Eu não possuo mais condições emocionais para estar nessa situação”.

Nos anos em que atua como ativista defensor dos Direitos Humanos, o pastor esteve perto de ser morto. Num dos episódios, um grupo de pistoleiros contratados para matá-lo teve sua ação interrompida pela chegada de treze policiais da Força Nacional de Segurança Pública, destacados para iniciar a escolta ao pastor.

Leia mais...

Comentarista esportivo é demitido da Fox Sports por ser cristão e contrário ao casamento gay 

 

O comentarista esportivo Craig James foi demitido de um dos canais da Fox Sports nos Estados Unidos por se posicionar publicamente contra o casamento gay.

Com passagens por outros grandes canais, como ESPN e CBS, James contratou advogados para processar seus últimos patrões, pois considera sua demissão abusiva.

O gerente-geral da Fox Sports SouthWest, Jon Heidtke, procurou Craig James dias após sua estreia como comentarista da liga de futebol americano universitário e afirmou que ele estava demitido devido às suas opiniões sobre o casamento gay, apesar de seu trabalho ter sido bem executado.

“Fiquei chocado que minhas crenças religiosas pessoais não havia sido a única razão para a Fox Sports me despedir. Eu fiquei completamente chocado quando li histórias citando representantes Fox Sports que disseram essencialmente que as pessoas de fé estão proibidas de trabalhar lá. Isso não está certo e, certamente, alguém cometeu um erro terrível”, afirmou James em entrevista à Breitbart News.

Leia mais...

Atentado terrorista a igreja no Paquistão resulta na morte de 81 fiéis e mais de 130 feridos graves 

 

Um ataque terrorista suicida neste domingo, 22/09, em frente a uma igreja cristã no Paquistão resultou na morte de 81 fiéis e ferimentos graves em outros 130 até o momento.

Dois terroristas acionaram as bombas amarradas ao corpo por volta do meio dia, horário local, horário em que a celebração matutina estava sendo encerrada.

Autoridades de Peshawar, localidade onde houve o atentado, afirmam que nenhum grupo ativista reivindicou a autoria do ataque. A região é conhecida como alvo de diversas ações extremistas de grupos muçulmanos talibãs.

A imprensa internacional tem relatado o caso como um dos ataques mais graves e mortíferos cometidos contra cristãos no Paquistão, que é majoritariamente muçulmano, enquanto cristãos somam apenas 2%.

Leia mais...

Em meio à guerra civil na Síria, cristãos são perseguidos por muçulmanos, que classificam a Bíblia como “mais perigosa que armas químicas

 

A guerra civil na Síria protagonizada por opositores ao presidente Bashar Al Assad e seus defensores tem sido noticiada pela imprensa mundial desde o início, e mais recentemente pelo iminente ataque dos Estados Unidos ao país, após a descoberta do uso de armas químicas por parte do governo contra a população.

Porém, a guerra como um todo esconde a perseguição aos cristãos do país feita pelos muçulmanos que se dividem entre pró e contra o governo.

Leia mais...

Cristão é preso no Marrocos por “balançar a fé de um muçulmano”

 

No Marrocos, o cristão Mohamed el Baldi, 34 anos, foi condenado a dois anos de prisão por evangelizar dentro do país. Preso durante uma invasão em sua casa no dia 28 de agosto, o cristão foi condenado em audiência que aconteceu no último dia 03. O motivo de sua condenação foi “abalar a fé de um muçulmano”.

No momento de sua prisão, foram confiscados em sua casa diversos objetos ligados à sua fé, como a sua Bíblia. O cristão, que é da cidade de Ain Aicha, também foi condenado a pagar uma multa de cinco mil dirhams (o equivalente a 1.354,50 reais).

A divulgação da fé cristã é um crime previsto pelo artigo 220 do Código Penal marroquino, lei que diz ser ilegal impedir uma ou mais pessoas de praticar a religião pela força, violência ou ameaças, segundo o Ministério Portas Abertas. O Marrocos é o 39º país na classificação dos lugares onde há mais perseguição religiosa em todo o mundo.

Leia mais...

Documentos revelam que o Departamento de Defesa dos Estados Unidos classifica cristãos como “extremistas” semelhantes à Al-Qaeda

 

Em tempos de divulgação de documentos secretos e constrangimento entre governos por causa de espionagens e violação de privacidade, questões como princípios religiosos ainda são tratadas como ameaça à segurança de uma nação.

Documentos oficiais do governo norte-americano revelados nesta semana pela Alliance for Religious Liberty, entidade de defesa da liberdade religiosa nos Estados Unidos, revelaram que grupos religiosos como católicos, evangélicos, judeus e mórmons são vistos como “extremistas” semelhantes à Al-Qaeda e o Ku Klux Klan.

O documento conseguido pela entidade é um relatório de mais de 1.500 páginas do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, de acordo com informações do Christian Post.

“Os homens e mulheres de fé que serviram fielmente ao longo dos séculos não devem ser comparado com aqueles que têm ameaçado regularmente a paz e a segurança dos Estados Unidos”, protestou Ron Crews, capelão da Alliance for Religious Liberty.

Leia mais...

Pentágono anuncia que mandará para a corte marcial soldados norte americanos que propagarem sua fé

 

 

O Pentágono divulgou um comunicado informando que os soldados norte americanos que poderiam ser processados e enviados à corte marcial caso promovessem a sua fé dentro das forças armadas do país.

- Proselitismo religioso não é permitido dentro do Departamento de Defesa… Tribunal marcial e punições não judiciais serão decididas numa base caso-a-caso – diz o comunicado publicado pela organização militar dos EUA.

Ser condenado em um tribunal marcial significa que um soldado cometeu um crime sob a lei militar federal. Punição para uma corte marcial pode incluir prisão e ser exonerado do serviço militar. A punição incluiria também os capelães militares oficiais que são ordenados sacerdotes de sua fé (na sua maioria pastores ou padres cristãos, ou rabinos judeus), cujo serviço desde a fundação do exército dos EUA sob George Washington é o de ensinar a sua fé e ministrar às necessidades espirituais das tropas que vêm a eles em busca de conselho, instrução ou conforto.

Leia mais...

Jovens cristãos da Eritreia são presos e espancados pelo Exército por não negarem sua fé em Jesus

  

A perseguição religiosa a cristãos na Eritreia tem uma história conhecida no Brasil, através do testemunho da cantora Helen Berhane, que ficou trancada por dois anos num contêiner por declarar sua fé em Jesus. 

Agora, a Missão Portas Abertas relata um caso de 39 jovens que se alistaram para o serviço militar obrigatório do país africano, e embora aprovados, foram detidos por serem cristãos. Na prisão militar, eles têm sido mal alimentados, espancados e forçados a trabalhar.

Os jovens 28 do sexo masculino e 11 do feminino, fazem parte de um grupo de estudantes que ingressaram no serviço militar e foram graduados no último dia 13 de julho. Um comunicado no site oficial do Ministério de Informação da Eritreia afirma que eles concluíram o ano de serviço militar com êxito, e estavam aptos a prosseguir os estudos, cursando o ensino secundário sênior.

Leia mais...

Desembargadora do Tribunal de Justiça é processada por incitação ao ódio contra evangélicos

 

 

Após denúncia feita pela Frente Parlamentar Evangélica, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) mandou instaurar um Processo Administrativo contra a desembargadora do TJ Elisabeth Carvalho Nascimento, sob a acusação de discriminação, preconceito e incitação ao ódio contra o povo evangélico.

De acordo com o jornal Extra Alagoas, os crimes teriam sido cometidos durante o julgamento do processo que tinha como objetivo cassar o mandato do deputado João Henrique Caldas por abuso de poder religioso com apoio da Igreja Internacional da Graça de Deus.

A Reclamação Disciplinar feita pela bancada evangélica no Congresso Nacional afirma que, ao proferir seu voto pela cassação do deputado, a desembargadora teria tratado a fé evangélica com deboche e escárnio, chamando os líderes evangélicos de fraudadores, corruptos e caloteiros.

Leia mais...

Cristã revela como é cultuar a Deus em igrejas subterrâneas, em um país marcado pela perseguição religiosa

 

Localizado na África, Eritreia é um país que apesar de ter quase metade de sua população composta por cristãos sofre com a perseguição religiosa, estando em 10º lugar na classificação dos lugares onde mais existe perseguição em todo o mundo. Por isso, os cristãos do país são obrigados a realizar seus cultos em segredo, geralmente em igrejas subterrâneas.

A cristã Misgana, que vive no país, falou ao Ministério Portas abertas como é viver sua fé nesse país, onde todas as igrejas evangélicas estão fechadas desde uma lei em 2002, e mais de 2.800 cristãos estão na prisão, e seus familiares não têm notícias deles há meses e anos.

- Como você sabe, as nossas igrejas estão fechadas. Assim, somos obrigados a nos reunir no subsolo das casas. Alguns irmãos cedem seus lares voluntariamente para que possamos adorar a Deus. Nós prestamos culto ao Senhor em quartos e cozinhas abaixo do chão. – relatou.

Misgana ressaltou também sentir falta da liberdade que os cristãos já tiveram no país, em contraste com a situação vivida atualmente.

Leia mais...

Casal de homossexuais vai à Justiça para obrigar igreja a realizar cerimônia de casamento gay

 

 

Após a recente aprovação do casamento gay pelo parlamento britânico, um casal homossexual foi à Justiça solicitar que as igrejas cristãs do país sejam obrigadas a celebrar cerimônias de enlace matrimonial de pessoas do mesmo sexo.

Barrie e Tony Drewitt-Barlow, que estabeleceram uma união estável em 2006, querem agora se casar em uma igreja, e para isso, estão movendo uma ação judicial que serviria de precedente para todos os casais que tiverem o mesmo desejo.

Entretanto, a lei aprovada no Reino Unido possui um dispositivo que protege as igrejas que decidirem não realizar cerimônias de casamento gay, a fim de preservar a liberdade de crença e religião, e por consequência seus princípios.

Um dos noivos, Barrie, afirmou que a legalização do casamento gay não é suficiente: “Por mais que as pessoas estejam dizendo que isso é uma coisa boa, eu ainda não estou conseguindo o que eu quero”, afirmou ao jornal Essex Chronicle.

Leia mais...

Grupo com 15 rebeldes muçulmanos sequestra, estupra e mata adolescente cristã na Síria

 

Um grupo de quinze rebeldes islâmicos sírios ligados à facção AKA Jabhat al-Nusra sequestrou, estuprou e matou uma adolescente cristã chamada Mariam na cidade de Al-Qusair.

A notícia está sendo veiculada pelos principais veículos de informação cristãos do mundo, e segundo o site Acontecer Cristiano, apesar de a jovem ter sido assassinada, a família dela conseguiu escapar da cidade.

A facção AKA Jabhat al-Nusra tem se tornado o principal grupo islâmico na guerra civil que divide a Síria e tenta depor o presidente Bashar Al-Assad.

Quando a facção descobriu que Mariam era cristã, os representantes do grupo resolveram que ela seria esposa de todos eles. No primeiro dia, um dos rebeldes casou-se com ela, e depois de abusá-la, a rejeitou. Esse ritual se repetiu diariamente, até que todos os quinze a tivessem estuprado.

Leia mais...

A cada quatro pessoas perseguidas no mundo por causa de religião, três são cristãs 

 

A cada quatro pessoas perseguidas no mundo por causa da religião, três são cristãs. Essa foi a constatação de estudiosos que debateram a questão da perseguição às minorias cristãs no Egito, instaurada pelo presidente Mohamed Morsi, o primeiro eleito pelo voto popular direto e recentemente deposto pelos militares do país.

Abboud Soha, egípcio e doutor em estudos islâmicos, afirmou que “os fundamentalistas estão causando enormes prejuízos para os cristãos pois elevam à categoria de herói quem mata um cristão”.

O debate, segundo informações do Acontecer Cristiano, mostrou que a perseguição religiosa vem sendo mostrada em sua realidade no atual mundo globalizado. Um diácono da Igreja Perseguida na China – que não teve sua identidade revelada por questões de segurança -  e o escritor cristão Daniel Arasa, completaram a mesa redonda.

Leia mais...

Cientista cristão é demitido de universidade católica por acreditar que Jesus cura

 

Um cientista cristão foi demitido de seu cargo na Universidade Católica de Leuven, na Bélgica, por publicar vídeos em seu site pessoal com relatos de curas milagrosas através da fé em Jesus.

A demissão de Fernando Pauwels levantou um debate em torno da liberdade de expressão e a dimensão do secularismo na Bélgica, que ao lado da França tem se tornado um dos países europeu com maior desapego à fé.

Pauwels trabalhou por onze anos para o Instituto de Pesquisa para o Trabalho e Sociedade da universidade, e descobriu que a demissão ocorreu pela exposição dos vídeos.

“A Universidade viu alguns desses clipes de pessoas sendo curadas e dando seus testemunhos e os chamaram de ‘anticientíficos’. Se alguém me perguntasse: ‘Você quer um novo contrato? ’, eu diria ‘sim, claro’. ‘Você tem qualquer problema com seus colegas de trabalho?’ Eu diria `não, tudo está bem’”, afirmou, deixando claro que nem seu trabalho nem seu relacionamento com os colegas de serviço tinham sido prejudicados por sua fé.

Leia mais...

Ordem dos Músicos do Brasil proibida de voltar a exigir registro de músico para tocar em igreja

 

Uma sentença publicada no Diário Eletrônico da Justiça no último dia 3 de junho proibiu o Conselho Federal da Ordem dos Músicos do Brasil (OMB) de exigir o registro na entidade para músicos participarem de cultos religiosos e outros eventos ligados a igrejas.

De acordo com a decisão judicial, o conselho não pode mais impedir ou atrapalhar a realização de eventos musicais religiosos em templos, igrejas e ambientes de natureza religiosa por meio da exigência de que os membros dessas instituições estejam inscritos na Ordem.

De acordo com informação publicada pela Procuradoria da República, a Justiça Federal em São Paulo decidiu que a fiscalização da OMB nesses ambientes viola os princípios constitucionais da liberdade religiosa e de culto e, sobretudo, da liberdade de expressão.

Leia mais...

Pastores evangélicos são espancados por extremistas hindus durante retiro espiritual na Índia

 

 

Um retiro espiritual cristão na Índia foi invadido por extremistas hindus no último dia 04, culminando em um ataque de violência contra dezenas de pastores evangélicos que estavam reunidos no local. Os pastores atacados são da Igreja Batista do distrito de Mahehwaram Mandal, território de Hyderabad, capital de Andhra Pradesh, no centro-sul da Índia.

De acordo com informações da Agência Fides, divulgadas através da All India Christian Council, uma organização ecumênica das comunidades cristãs na Índia, os extremistas invadiram a reunião da liderança evangélica indiana e começaram a desferir golpes com paus nos pastores.

O ataque foi feito por aproximadamente 50 membros do grupo “Rashtriya Swayamsevak Sangh” (Hindus Voluntários do Corpo), que acusaram os pastores por suposta conduta de conversão forçada.

Segundo o The Christian Post, os pastores registraram queixa da violência na polícia, e as comunidades cristãs do local estão organizando uma marcha pacífica em protesto contra a violência.

Leia mais...

Extremistas hindus espancam e ameaçam colocar fogo em pastores evangélicos

 

 

Dois pastores cristãos foram espancados por um grupo de cerca de 200 extremistas hindus na aldeia de Korlahalli, perto de Mundargi, na Índia. Os extremistas golpearam e chutaram os pastores Mallik Arjun e Naik, ameaçando incendiá-los tentando os obrigar a adorar divindades hindus.

Depois de espancar o pastor Naik enquanto se ele dirigia para sua casa depois de dirigir um culto cristão em Sugar, o grupo o levou junto com o pastor Mallik Arjun a um templo hindu. Em um momento o pastor ajoelhou- se em um canto do templo e começou a orar.

- Um extremista me puxou a espada, me arrastou e me disse, ‘Você estar orando a Jesus mesmo em um templo hindu’, e em seguida tentou forçar-me a adorar os ídolos hindus. Eu perguntei por que me obrigava a adorar os ídolos e ele disse que ninguém pode me forçar, mas eu tenho o direito e escolher o Deus que quero adorar – relatou o pastor, segundo publicou o Religion Today.

Leia mais...

Perseguição religiosa causa morte de 100 mil cristãos a cada ano, afirma Vaticano

 

O Vaticano apresentou um relatório à ONU no qual relata que a perseguição e o fanatismo religioso causam a morte de 100 mil cristãos todo ano. O relatório foi apesentado por Silvano Maria Tomasi, embaixador do Vaticano, e detalha que as regiões mais críticas são a África, Oriente Médio e Ásia.

- Os números parecem muito altos, mas são todos comprovados – explicou o monsenhor Tomasi, em entrevista ao Estadão. Ele disse ainda que a situação é “muito grave para muitos cristãos”.

- Temos de falar sobre esse assunto. Não se pode deixar que essa realidade seja esquecida – completou Tomasi.

Desde o início do pontificado do papa Francisco, o Vaticano vem trabalhando com objetivo de construir pontes entre religiões, mas também reforçar a precária situação vivida pelos cristãos em várias regiões.

Leia mais...

Ativista ateu pede retirada de Bíblias de quartos de hotel por suposta violação ao estado laico 

 

O escritor e ativista ateu Ed Buckner fez uma queixa formal ao às autoridades da Geórgia, nos Estados Unidos, pedindo a retirada de Bíblias dos quartos nas casas de campo e cabanas mantidos pelo governo estadual.

A queixa de Buckner, que é ex-presidente de uma entidade ateísta, se deu porque em seu entender, a presença de Bíblias nesses locais, que são de propriedade do governo, violaria a Primeira Emenda da Constituição dos Estados Unidos, que define o país como laico e proíbe o governo de estabelecer uma religião.

Perante a solicitação, o Departamento de Recursos Naturais da Geórgia recolheu as Bíblias dos quartos e recepções das casas de campo e cabanas estaduais, com a intenção de evitar uma batalha judicial, segundo informações da Fox News.

Leia mais...

Hindus usam retroescavadeira para demolir igreja cristã na Índia

 

 

Uma igreja cristã foi demolida por hindus em uma cidade no sudoeste da Índia. De acordo com o Acontecer Cristiano, de posse de uma retroescavadeira, uma multidão, demoliu a igreja, sem encontrar nenhuma resistência por parte dos líderes da aldeia de Gadia, no estado de Chhattisgarh.

Budhram Baghel, pastor da Igreja Divya Jyoti, conta que viu a igreja ser derrubada depois de muito trabalhar para ter um local de culto e receber os cristãos. Ele afirma que o templo havia sido construído em terras de sua propriedade, e que a construção foi autorizada pelo estado.

- Um galpão provisório foi construído em 2006 na Terra depois de uma permissão das autoridades e que mais tarde foi substituído por um edifício permanente – disse o Rev. Rakesh Dass, amigo de Baghel.

 

 

 

Leia mais...

Pastor iraniano Saeed Abedini, preso por evangelizar muçulmanos, sai da solitária

 

O pastor iraniano Saeed Abedini, preso desde janeiro na prisão Evin, no Irã, saiu da solitária no fim na última semana. O pastor, que foi condenado por um tribunal a oito anos de prisão por evangelizar no país, teria ficado 20 dias na solitária, onde passou, inclusive, seu aniversário. No dia 7 de maio o pastor completou 33 anos de vida, e a passagem da data na prisão foi classificada pelo Centro Americana de Lei e Justiça (ACLJ – na sigla em inglês) como “o pior aniversário que se possa imaginar”.

Sua esposa, Naghmeh, afirmou ao Centro Americano de Lei e Justiça (ACLJ), que está aliviada, mas ressaltou que permanece preocupada com o estado de saúde do marido, que estaria sofrendo espancamentos na prisão, como forma de tortura para que negue sua fé em Jesus Cristo.

- Sua soltura da solitária é resultado de muitas preces. Estou aliviada de ver meu marido fora da solitária, mas ainda estou profundamente preocupada com a saúde de Saeed. Enquanto isso é uma pequena vitória, ainda procuro que a justiça seja feita para que Saeed seja solto – declarou Naghmeh.

Leia mais...

Autoridades do Laos libertam um dos pastores que foram presos sob acusação de portarem exemplar do DVD “Fim dos Tempos

 

 

Um dos pastores presos no último dia 05 de fevereiro pelas autoridades do Laos por portarem exemplares do DVD “Fim dos Tempos”, teria conseguido liberdade após ação de seu advogado na Justiça do país.

O Laos é um país asiático em que apenas o budismo, bramanismo e animismo são religiões consideradas aceitáveis pela sociedade, e o cristianismo é tido como uma religião digna de repúdio.

Os pastores Bounma, Somkaew e Bounmee foram presos após terem sido abordados por um policial, que apreendeu os exemplares do DVD numa loja do mercado do distrito de Phin, na província de Savannakhet.

Na ocasião, os pastores alegaram que tratava-se de material para uso pessoal, porém a polícia não aceitou a explicação, e chegou a espancar o pastor Bounma para forçá-lo a confessar o crime.

Leia mais...

336 milhões de crianças foram abortadas na China durante 40 anos

 

336 milhões de seres humanos foram exterminados na China pelo aborto entre 1971 e 2010, segundo números do Ministério da Saúde. O total equivale a mais de uma vez e meia toda a população brasileira, noticiou o jornal “Financial Times”, de Londres.

O referido ministério – que mais adequadamente deveria chamar-se Ministério da Morte – divulgou em janeiro suas sinistras estatísticas sobre esterilizações e abortos.

Também anunciou que faria uma fusão com a Comissão Nacional da População e de Planejamento Familiar para melhor continuar sua cruel tarefa.

Alguns analistas ingênuos ou simpatizantes do regime interpretaram a reorganização como o início de uma flexibilização do número de nascimentos permitidos. Mas não foi isso o que explicaram altos funcionários do governo socialista. Antes, afirmaram justamente o contrário.

Leia mais...

Equipe de atletismo vence prova, mas é desqualificada por comemorar com gesto de agradecimento a Deus

 

 

Uma equipe de atletismo que venceu a prova de revezamento 4×100 da Liga Universitária Interescolar do Texas foi desclassificada porque o corredor Derrick Hayes teria cometido excessos ao comemorar a vitória com um gesto de agradecimento a Deus.

Ao apontar para o céu, a direção da prova entendeu que sua postura caracterizaria “conduta anti-desportiva” e “celebração excessiva”. A equipe representava a Columbus High School, e ficou inconformada com a decisão dos diretores da competição.

O pai do atleta afirmou em entrevista à Fox Houston que a decisão chocou os atletas: “É um negócio triste. Eu acho que é uma farsa. Essas crianças trabalham duro…”, afirmou, lembrando que seu filho apenas estava agradecendo a Deus. “Como uma equipe que atingiu o seu objetivo e, em um seguida, foi acabado, a partir de algo que acho que é não é a questão. Acho que ninguém veja isso [agradecer a Deus] como um problema. Ele apenas disse ‘pai que eu estava apontando para os céus’”.

Leia mais...

Intolerância religiosa: no México, católicos ameaçam queimar evangélicos que não negarem a fé

 

 Um conflito religioso entre cristãos católicos e evangélicos no México chamou a atenção da imprensa mundial, depois que o prefeito da cidade de San Juan Ozolotepec, Pedro González, ameaçou queimar e jogar os evangélicos da região de um penhasco.

Segundo o Noticia Cristiana, o pastor Leopoldo Alonso Silva, da Igreja Cristã Independente Getsêmani, disse que a perseguição religiosa se dá simplesmente pelo fato de que os evangélicos se recusam a tornarem-se católicos.

O município fica localizado no Estado de Oaxaca, conhecido pelo radicalismo dos fiéis católicos. Silva afirmou ao jornal La Reforma que o prefeito González e seu secretário, Salvador Rivera Cruz, são os dois principais responsáveis pelas ameaças.

Leia mais...

Ministério Portas Abertas comemora 35 anos de atuação no Brasil

  

Nesse sábado (04), será realizado na Igreja do Nazareno Central de Campinas um culto em celebração aos 35 anos de atuação do ministério Portas Abertas no Brasil. Para as comemorações de aniversário, a Portas Abertas Brasil contará com a presença do norte-americano Jeff Taylor, presidente da Portas Abertas Internacional, e do palestino Bishara Awad, diretor da Faculdade Bíblica Belém.

A gênese da atuação do ministério no Brasil se deu em 1977, quando Elmira Pasquini ouviu uma pregação do holandês Anne van der Bijl, conhecido como Irmão André (fundador do Portas Abertas Internacional) na Igreja Batista da Liberdade, em São Paulo. Na ocasião, foi levantada uma oferta para o ministério, mas o Irmão André, ao receber a doação, disse: “Usem esta quantia para abrir um escritório aqui”. Assim, em 1978, foi formalizada e instituída a base da Portas Abertas no Brasil.

Leia mais...

 Pentágono anuncia que mandará para a corte marcial soldados norte americanos que propagarem sua fé

  

O Pentágono divulgou um comunicado informando que os soldados norte americanos que poderiam ser processados e enviados à corte marcial caso promovessem a sua fé dentro das forças armadas do país.

- Proselitismo religioso não é permitido dentro do Departamento de Defesa… Tribunal marcial e punições não judiciais serão decididas numa base caso-a-caso – diz o comunicado publicado pela organização militar dos EUA.

Ser condenado em um tribunal marcial significa que um soldado cometeu um crime sob a lei militar federal. Punição para uma corte marcial pode incluir prisão e ser exonerado do serviço militar. A punição incluiria também os capelães militares oficiais que são ordenados sacerdotes de sua fé (na sua maioria pastores ou padres cristãos, ou rabinos judeus), cujo serviço desde a fundação do exército dos EUA sob George Washington é o de ensinar a sua fé e ministrar às necessidades espirituais das tropas que vêm a eles em busca de conselho, instrução ou conforto.

Leia mais...

Seita queima bebê vivo por acreditar que seria o anticristo; Polícia prende quatro integrantes do grupo e ainda busca líder

 

 Um ritual de sacrifício, que culminou com a morte de um recém nascido, levou a polícia chilena a prender quatro pessoas na última quinta-feira, 25 de abril.

Os presos eram integrantes de uma seita, e queimaram vivo o bebê de três dias porque o líder do grupo acreditava que recém nascido era o anticristo.

O ritual macabro aconteceu numa colina de Colliguay, uma cidade próxima ao porto de Valparaíso. De acordo com o Huffington Post, o fato teria ocorrido no dia 21 de novembro de 2012, com a aprovação da mãe, Natalia Guerra, que teria acompanhado o sacrifício.

“O bebê estava nu. Eles prenderam fita em torno de sua boca para impedi-la de gritar. Então eles colocaram ela em uma placa. Depois de invocar espíritos, jogaram ela na fogueira com vida”, disse Miguel Ampuero, da Unidade de Investigação da Polícia.

Leia mais...

Pastor é preso sob acusação de sequestro por abrigar meninas que fugiam de casamento muçulmano forçado

 

 Um pastor nigeriano do Estado de Bauchi foi preso por dar abrigo a três meninas menores de idade que fugiam de um casamento forçado e da obrigatória conversão ao islamismo.

A Missão Portas Abertas relatou que as meninas de 10, 13 e 15 anos de idade são cristãs e filhas de um homem recém-convertido ao islamismo que teria imposto a elas a conversão à sua religião e um casamento com muçulmanos.

Perante à iminente imposição, as três meninas se dirigiram à casa de um pastor e pediram refúgio. De lá, o pastor as conduziu a uma casa de outro pastor, num local diferente. Este segundo pastor foi acusado de sequestro e preso, e agora aguarda por um julgamento.

A Portas Abertas diz ainda que a obrigação a conversão ao islã e casamento forçado são duas das estratégias mais comuns no norte da Nigéria, que tem vivido um processo de erradicação do cristianismo.

Leia mais...

 “Cristãos secretos” na Coreia do Norte são detidos em campos de concentração por se recusarem a reconhecer ditador Kim Jong Um como divindade

 

 

Coreia do Norte, país que tem estampado as manchetes da imprensa mundial por ameaçar atacar a Coreia do Sul e os Estados Unidos, é tida pelas organizações missionárias como a nação mais fechada ao cristianismo, e por consequência, o país que mais persegue cristãos em todo o mundo.

Norte-coreanos que professam a fé cristã estão sendo mantidos em centros de detenção e privados de alimentação por se recusarem a reconhecer o ditador Kim Jong Un (foto) como uma divindade.

O país, que após a guerra das Coreias tornou-se comunista, é oficialmente ateu, mas na prática existe uma imposição de culto à dinastia Kim por parte do governo.

Leia mais...

Evangélica é acusada de intolerância religiosa e vai parar na delegacia por dizer “Jesus te ama e quer salvar tua alma” a adepta do candomblé

  

Uma tentativa de evangelização a uma praticante do Candomblé resultou em desentendimento e um Boletim de Ocorrência foi registrado com queixa de intolerância religiosa, em Lauro de Freitas, na Bahia.

O pai de santo Tata Ricardo Tavares afirma ter ido a uma lanchonete comprar uma garrafa d’água junto com uma de suas filhas de santo, e a atendente da lanchonete, ao se despedir, disse “Jesus te ama e quer salvar sua alma de satanás”.

O gesto foi respondido, segundo Tavares, com reciprocidade: “Eu estou feliz, minha alma não está com satanás. Oxalá também te ama também”, disse o pai de santo, que acusa a atendente evangélica de ter respondido de forma intolerante, dizendo que “satanás estava repreendido – segundo ela, Oxalá”.

Tavares diz ainda que a atendente afirmou que “Jesus tinha que queimar satanás de nossa vida porque nós éramos servos de satanás”.

Leia mais...

 “Intolerância religiosa é ameaça à democracia”, dizem autores de livro que constata “ataque global ao cristianismo”

 

 

A perseguição religiosa a cristãos em todo o mundo é um tema recorrente entre missionários e líderes cristãos, devido ao grande número de países que se opõem ao cristianismo por questões culturais e/ou religiosas.

Os escritores Lela Gilbert, Paul Marshall e Nina Shea, do Centro do Instituto Hudson para a Liberdade Religiosa, estão lançando o livro Persecuted: The Global Assault on Christians (em tradução livre, “Perseguição: O Ataque Global aos Cristãos”), em que abordam o tema de maneira bastante extensa.

Uma pesquisa feita pelos autores para a publicação descobriu que, os países de origem muçulmana são os piores e mais perigosos para os cristãos, sejam eles nativos ou missionários, e que o movimento social chamado de Primavera Árabe tornou essas nações ainda mais intolerantes.

Leia mais...