Não há igreja cristã autêntica que tenha problemas de racismo, afirma renomado pastor  

O pastor John MacArthur mais uma vez chamou atenção para a ênfase que tem sido dada aos movimentos sociais dentro da Igreja, e afirmou que uma das pautas, o racismo, não é um problema dentro das igrejas verdadeiramente firmadas sobre o Evangelho.

“Quatro anos atrás, eu não teria pensado ser possível para os evangélicos que creem na Bíblia estarem divididos sobre a questão do racismo. Como cristãos, nós estamos juntos em nossa afirmação do segundo grande mandamento (‘Amarás ao seu próximo como a si mesmo’ Levíticos 19:18). Portanto, nós nos unimos contra todo tipo de animosidade racial”, escreveu MacArthur em seu blog.

O líder da megaigreja Grace Community Church e do Master’s College Seminary, ambos na Califórnia (EUA), pontuou que o racismo é uma “mancha na história americana” com vestígios remanescentes, mas que tais erros foram corrigidos com a legislação de direitos civis ao estabelecer igualdade para todos os cidadãos do país.

Leia mais...

Novas descobertas arqueológicas no Mar Morto revelam manuscritos bíblicos 

Entre os anos 1947 e 1956 foi feita uma das maiores descobertas arqueológicas da era moderna, no sítio arqueológico de Qumran, no Mar Morto, quando pesquisadores desenterraram milhares de fragmentos de cerca de 900 manuscritos, considerados os mais antigos do mundo.

Atualmente, uma nova expectativa foi criada ao ser anunciado pelos arqueólogos Randall Price e Oren Gutfeld, da Universidade Hebraica de Jerusalém, que pelo menos mais duas cavernas já foram identificadas no mesmo local.

O motivo da empolgação que invade a comunidade científica não é por acaso. Isso, porque, os manuscritos que já foram encontrados e traduzidos confirmaram fatos históricos, por exemplo, narrados pela Bíblia, sendo de grande importância histórica.

Leia mais...

Augustus Nicodemus fala sobre migração de pentecostais para igrejas reformadas e acende debate 

O pastor e teólogo presbiteriano Augustus Nicodemus Lopes afirmou que há um forte movimento de migração de cristãos evangélicos pentecostais para denominações de tradição reformada. A declaração despertou incômodo em algumas lideranças de doutrina pentecostal, que reagiram à fala do líder presbiteriano.

No Twitter, Augustus Nicodemus cobrou das igrejas reformadas e seus membros uma mobilização no sentido de preparar o terreno para a chegada dos irmãos na fé que estão à procura de congregações para frequentar.

“Os reformados precisam se preparar para receber as centenas e centenas de irmãos pentecostais e neopentecostais que descobriram a fé reformada pela internet e estão vindo cheios de expectativa e esperança para as suas igrejas. Senão a desilusão deles será grande”, escreveu o pastor em sua conta na rede social.

Leia mais...

Estudo constata que teologia da prosperidade é uma distorção do Evangelho 

A teologia da prosperidade corrompe o ensino bíblico e deteriora o Cristianismo, resultando numa religião que foca no bem estar pessoal ao invés da transformação individual a partir do arrependimento oferecida pelo Evangelho. Essa conclusão foi tirada de um novo estudo sobre os impactos da mensagem que vem se popularizando ano após ano no meio cristão.

O estudo, conduzido pela Universidade de Toronto, foi publicado em novembro pela revista Psychology of Religion and Spirituality, com alertas sobre “um dos movimentos religiosos de maior crescimento” no mundo.

O pesquisador Nicholas M. Hobson, do Departamento de Psicologia da Universidade de Toronto, um dos responsáveis pelo estudo, afirmou que essa linha teológica, também chamada de “confissão positiva cristã”, é uma mutação do conceito presente no Evangelho.

Leia mais...

Fé dos cristãos no Oriente Médio, face à extinção iminente, é “inspiradora”, diz príncipe Charles

 A intensa perseguição enfrentada pelos cristãos no Oriente Médio motivou declarações de duas importantes lideranças cristãs britânicas: o líder da Igreja da Inglaterra, arcebispo de Canterbury Justin Welby e o príncipe Charles, herdeiro do trono.

Welby tocou no assunto momentos antes de uma cerimônia na Abadia de Westminster, na última terça-feira, 04 de dezembro, enquanto o príncipe Charles mencionou a “inspiradora fé” dos cristãos no Oriente Médio durante seu discurso no mesmo evento.

Para o líder da Igreja da Inglaterra, os cristãos do Oriente Médio enfrentam uma situação de “extinção iminente”, já que sofrem “ameaças de assassinato diárias”. Welby descreveu o cenário de perseguição como o pior desde as invasões mongóis no século XIII.

Leia mais...

Gostar de condenar pessoas é “uma das tragédias da igreja moderna”, diz Tim Keller 

O renomado pastor e escritor Tim Keller tocou em um dos pontos delicados da vivência cristã, que é a responsabilidade do julgamento. Ele destacou o assunto quando tratado pelos líderes, especificamente os pregadores, dizendo que muitos se preocupam mais em “condenar pessoas” ao invés de amá-las.

Keller falou durante o programa TBN, de Mike Huckabee, comentando sobre o lançamento do seu novo livro, onde citou a história de Jonas para ilustrar como algumas pessoas pregam a Palavra, mas sem amor pelos ouvintes.

“Jonas foi para a cidade e pregou, mas não amava a cidade”, disse o pastor, ressaltando a reação de Deus em seguida, ao expor a contradição de Jonas: “Isso não foi bom o suficiente para Deus, porque no final, ele diz a Jonas: como você pode não amar uma cidade com 120 mil pessoas que não me conhecem?”, disse ele.

Leia mais...

Ex-funcionário processa empresário cristão por estudos bíblicos em horário de trabalho 

A demissão de um funcionário após ele se recusar a participar de um estudo bíblico está causando dores de cabeça a um empresário cristão, que nega ter discriminado o antigo colaborador e tenta evitar uma derrota na Justiça. O empresário cristão Joel Dahl, um ex-presidiário que se entregou a Jesus durante o cumprimento de sua pena, está sendo processado em US$ 800 mil pelo ex-funcionário Ryan Coleman, que alega ter sido demitido por se recusar a participar de um estudo bíblico que a empresa oferecia, em horário de trabalho e de forma remunerada. De acordo com informações do portal Oregon Live, a empresa Dahled Up Construction atua no ramo da construção civil, com especialização em coberturas e pinturas. O proprietário afirma que ergueu sua empresa baseada em princípios cristãos, e que os estudos bíblicos são conduzidos por um pastor. Coleman disse que participou dos estudos bíblicos durante seis meses, mas não se adaptou e informou ao patrão que não iria mais comparecer às reuniões.

Leia mais...

Os filhos precisam conhecer a verdade bíblica para se protegerem, diz autora 

É cada vez maior o número de pais preocupados com a saúde emocional e espiritual dos seus filhos. Mais do que nunca, vivemos em uma geração bastante confusa, em grande parte pelo volume de informações, mas também por correntes de pensamento que tentam relativizar tudo, inclusive os valores da fé cristã.

Para a autora cristã Ana Mendes, a única forma de proteger nossos filhos contra os enganos do mundo é ensinar para eles o conhecimento da Bíblia desde cedo. “Preciso ensinar minha filha o que é a verdade, o que ela significa, de onde vem a verdade e quão importante a verdade será para sua vida”, disse ela.

Leia mais...

Cristãos fazem clamor por “avivamento” durante três dias, nas ruas 

Se por um lado é possível observar alguns jovens carentes de Deus e vazios de propósito em suas vidas, por outro há um número crescente de pessoas que buscam cada vez mais o agir do Espírito Santo, se colocando como instrumentos nas mãos do Senhor para testemunhar o amor de Cristo ao mundo.

No último final de semana, por exemplo, um grupo de cristãos do Awakening Europe, liderado por Ben Fitzgerald, participou de um evento evangelístico que durou três dias nas ruas da Austrália, com o propósito de anunciar o Evangelho de Cristo às pessoas e orar pelos que ainda estão perdidos.

“Sinto o Senhor querendo levantar pessoas que querem se tornar missionários em sua própria nação. Para a Austrália, queremos que os australianos se tornem missionários”, disse Fitzgerald, destacando a vontade das pessoas em querer ouvir o Evangelho.

Leia mais...

Pastores comentam sobre os cristãos que adquiriram hábito de falar palavrões: “Perigosíssimo”  

A pobreza de vocabulário e os absurdos recorrentes no mundo contemporâneo terminam influenciando muitas pessoas, inclusive cristãos, a se valerem de palavrões para expressar sentimentos, sejam de euforia ou indignação. Esse hábito, no entanto, é algo a ser lamentado na visão do reverendo Hernandes Dias Lopes, da Igreja Presbiteriana de Pinheiros, em São Paulo (SP).

O pastor concedeu uma entrevista ao canal da Oitava Igreja Presbiteriana de Belo Horizonte no YouTube e destacou os riscos de se adicionar os palavrões à rotina, pois a Bíblia alerta sobre o uso de palavras torpes e desaconselha essa postura

“Palavrão é um hábito perigosíssimo, é um vício. Parece que a nossa cultura está cada vez mais se degradando e se você não falar um palavrão você está fora do contexto. Você não consegue se comunicar direito, você vê hoje que está no rádio, na televisão, no futebol então nem se fala”, contextualizou o pastor Hernandes Dias Lopes.

Leia mais...

Participação dos evangélicos na política do Brasil foi a que mais avançou, diz pesquisador 

A participação dos evangélicos na política brasileira se tornou fundamental para a eleição do próximo Presidente da República, assim como diversos outros até então candidatos que, cientes da preocupação com a chamada “agenda moral” defendida por esse segmento, decidiram defender suas pautas, obtendo sucesso nessa estratégia.

Essa não é uma realidade apenas no Brasil, mas em toda a América Latina. Visando discutir um pouco mais esse contexto, o pesquisador, cientista político e sociólogo José Luis Pérez Guadalupe, natural do Peru, esteve em Berlim para o lançamento da obra “Evangélicos y poder en América Latina”, uma coletânea ligada ao partido alemão União Democrata-Cristã (CDU).

“Brasil foi o país onde houve o maior avanço dos evangélicos na política, mas que não chega a se desdobrar em sua plenitude em relação ao peso deles na sociedade. Porque temos cerca de 30% de evangélicos no Brasil e nas últimas eleições eles alcançaram cerca de 15% de representação na Câmara dos Deputados”, disse Guadalupe.

Leia mais...

Escócia torna ensino LGBT obrigatório nas escolas públicas; Lideranças religiosas reagem 

O primeiro país do mundo a tornar obrigatório o ensino de temas LGBT nas escolas públicas revelou na última quinta-feira, 08 de novembro, o currículo que deverá ser adotado por professores. A Escócia acatou 33 indicações de um Grupo de Trabalho de Educação Inclusiva LGBTI para abordar junto a crianças e adolescentes, mas já enfrenta críticas de lideranças religiosas.

O governo do país britânico afirmou que decidiu tornar essa abordagem obrigatória por enxergar a necessidade de combater a homofobia e a discriminação contra bissexuais e transexuais. Dentre as matérias estão o ensino da história dos movimentos LGBT.

O vice-primeiro-ministro, John Swinney, disse que considera “vital que o currículo seja tão diverso quanto os jovens que aprendem em nossas escolas”, segundo informações do jornal Folha de S. Paulo. A militância LGBT comemorou a decisão.

Leia mais...

Importante autora faz alerta sobre depressão entre pastores: “Não se envergonhem” 

A depressão continua sendo um dos maiores problemas de saúde na atualidade. Diferentemente de outro tempo, em que era vista com muito preconceito, também, entre os cristãos, hoje essa doença de ordem mental é mais compreendida e tratada de forma mais adequada no meio religioso.

Apesar disso, ainda é um desafio compreender e trabalhar os casos de depressão que surgem na igreja e quem falou sobre isso foi a escritora conhecida mundialmente Sheila Walsh.

Walsh é uma escritora de sucesso mundial, cristã e palestrante. Em seu novo lançamento, chamado  “It’s Okay Not To Be Okay: Moving Forward One Day At A Time” (“Tudo bem não estar bem: Seguindo em frente um dia de cada vez”), ela aborda como a depressão é uma realidade que precisa ser encarada com honestidade pelos cristãos, inclusive pastores.

Em uma entrevista para o Christian Post, a autora relatou como ela mesma precisou lutar contra a depressão, 26 anos atrás:

Leia mais...

Jovem queima livro muçulmano e é condenado a prisão perpétua por “blasfêmia” 

A forma como cada país e sistema religioso entende os princípios de liberdade, opinião e expressão varia conforme cada região, especialmente quando o Estado assume uma religião oficial, pela qual toda a população é obrigada a se submeter. Esse é o caso da República Islâmica do Paquistão, um país localizado no Sul da Ásia.

Lá, em 2015, o jovem cristão chamado Yaqoob Bashir Masih, na época com apenas 20 anos, foi acusado de cometer “blasfêmia” contra a fé islâmica. Desde então ele está preso e um julgamento recente agravou a sua pena, lhe condenando a prisão perpétua.

A organização Portas Abertas, que monitora os índices de perseguição religiosa contra os cristãos no mundo, acompanha o seu caso e divulgou o relato de uma das testemunhas que presenciaram o momento em que Masih foi acusado de blasfêmia.

Mushtaq Masih contou que por volta das 7h viu o jovem cristão sendo agredido por uma multidão de pessoas. Entre elas estava o irmão mais velho do rapaz, que lhe questionou:  “Onde está a cópia do alcorão que o líder religioso te deu?”.

Leia mais...

Bolsonaro reitera planos de mudar embaixada brasileira para Jerusalém 

A mudança da embaixada brasileira em Israel da cidade de Tel-Aviv para Jerusalém foi uma promessa de campanha do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL); Na última quinta-feira, 01 de novembro, ele usou as redes sociais para reiterar que os planos continuam os me

smos.

“Como afirmado durante a campanha, pretendemos transferir a Embaixada do Brasil de Tel Aviv para Jerusalém. Israel é um Estado soberano e nós o respeitamos”, publicou Bolsonaro.

A declaração foi recebida com entusiasmo pelo primeiro-ministro de Israel: “Felicitei meu amigo e presidente eleito do Brasil Jair Bolsonaro por sua intenção de deslocar a embaixada brasileira para Jerusalém, um passo histórico, justo e animador”, declarou Benjamin Netanyahu, através de comunicado, segundo informações do jornal O Dia.

 

Leia mais...

Pastor é proibido de orar com jogadores após vídeo viralizar na internet  

O Pastor Russell Davis é considerado um homem de muito caráter. Ele comandava o time de futebol da Escola Municipal Dawson County, nos Estados Unidos, como treinador voluntário, mas após um vídeo onde aparece fazendo uma oração com os jogadores viralizar na internet, ele foi acusado por um grupo de ateus de violar a liberdade religiosa dos alunos, ficando proibido de orar novamente com a equipe.

“A Palavra diz que quando eles saíram eles O compeliram a carregar a cruz, e então Jesus foi para o monte e Ele ganhou a vitória na cruz“, diz o pastor no vídeo, fazendo um paralelo da determinação de Cristo com a atitude dos alunos do Falcons diante dos desafios.

“Seu objetivo esta noite não é morrer na cruz. Não é morrer no campo de batalha. Estamos chamando você hoje à noite para carregar sua cruz”, acrescenta Davis.

O vídeo ultrapassou a marca das 73 mil visualizações e chamou atenção da organização Freedom From Religion Foundation (FFRF), que defende a total separação da religião no ensino. O advogado da entidade, Christopher Line, enviou uma carta ao procurador escolar da região, Philip Hartley, afirmando que o pastor Davis violou a Constituição Americana.

Leia mais...

‘Bruxaria cristã’: movimento crescente tenta seduzir cristãos a praticarem magia

 

De tempos em tempos, o Cristianismo vê surgir movimentos oriundos do sincretismo religioso que alegam ser uma releitura das Escrituras que goza de maior inspiração do que toda a história do ajuntamento iniciado pela Igreja Primitiva. A nova moda agora é a bruxaria cristã.

Apesar das advertências bíblicas contra a prática da feitiçaria, Valerie Love, uma líder religiosa que se descreve como uma bruxa cristã praticante e ministra ordenada de consciência espiritual, insiste que não há nada errado com cristãos sendo bruxos e recentemente lançou uma escola para ensinar cristãos a praticarem magia.

“Pare de pensar que você pode dizer às pessoas como adorar. Pare de pensar que você pode dizer às pessoas como se conectar com o divino. Eu poderia lhe dizer quantas pessoas me disseram: ‘Você não pode ser uma bruxa cristã’, mas aqui estou. Veja, você não pode me dizer como adorar. Você não pode me dizer como se conectar com o divino. Isso é entre mim e Deus. Você não pode me dizer como orar”, declarou Valerie recentemente no Facebook .

Leia mais...

Temida tribo de “quebradores de crânios” é alcançada pelo Evangelho, na Amazônia 

Há diversos povos indígenas vivendo no Brasil. Muitos já foram alcançados pelo Evangelho de Jesus Cristo, tendo a oportunidade de evoluir moralmente suas concepções de mundo e abandonar algumas práticas terríveis, como o infanticídio.

Apesar dos avanços missionários, algumas tribos continuam muito fechadas ao Evangelho, e uma delas era a “Skull Splitter”, conhecida em português como “Rachadores de Crânios”.

Entretanto, segundo informações de Larry Buckman, um experiente missionário da Renew Outreach, a realidade espiritual dessa tribo mudou radicalmente, após os anciãos do grupo decidirem enviar cinco dos seus membros para encontrar os missionários, a fim de saber mais a respeito do “Filho de Deus”.

“Eles enviaram cinco caras”, disse o missionário. “Por que eles decidiram caminhar 10 dias direto para o norte para encontrar alguém? Eles não tinham como saber que havia alguém lá em cima [em outra região]. É claro que o Espírito Santo estava liderando eles.”

“À noite eles ficavam possuídos por demônios, batiam em suas esposas e abriam suas cabeças com seus porretes”.

Leia mais...

Contrariando os céticos, arqueólogos descobrem evidências do Êxodo narrado na Bíblia

A libertação do povo hebreu da escravidão nas terras do Egito, liderada por Moisés sob o comando de Deus, é um dos relatos mais grandiosos da Bíblia, por sua riqueza de detalhes, seu significado espiritual e relevância histórica não apenas para judeus e cristãos, mas também para o mundo científico em geral.

“Depois o Senhor disse a Moisés: ‘Vá ao faraó e diga-lhe que assim diz o Senhor, o Deus dos hebreus: Deixe o meu povo ir para que me preste culto'”, diz um trecho da passagem, cujo episódio da libertação se concentra mais entre os capítulos 5 e 11 do livro de Êxodo.

Agora os teólogos judeus e cristãos possuem mais um motivo para creditar plena confiança nahistoricidade do texto bíblico, uma vez que David Ben-Shlomo, arqueólogo da Universidade Ariel, descobriu o que pode ser uma das mais importantes evidências em favor do Êxodo.

Se trata de ruínas localizadas em Khirbet el-Mastarah, no Vale do Jordão, que se estende por Israel, Jordânia, Cisjordânia e chega ao sopé das Colinas de Golã.

Leia mais...

Piper orienta como os pais devem ensinar os filhos: “Trate a Bíblia como autoridade absoluta” 

Considerando o avanço de uma cultura cada vez mais relativista e a dificuldade de muitos pais em lidar com a educação dos seus filhos, o pastor e renomado autor John Piper deu algumasorientações sobre a maneira como devemos educar nossas crianças e adolescentes.

“Procure ser totalmente autêntico em seu amor por Cristo, sua alegria nele e seu deleite em seus caminhos. Você não pode forçar a satisfação de uma criança em Deus quando não parece que o Senhor está satisfazendo mamãe e papai”, disse Piper.

A declaração do pastor foi resultado do questionamento de uma mãe em seu programa de rádio. Piper enfatizou que devemos vivenciar o Evangelho diariamente, transformando o ensino da Bíblia em testemunho através do nosso comportamento.

John Piper explicou que os pais devem incluir referências da Bíblia e agradecimentos a Deus a todo momento, “saturando” os filhos com a Palavra. “Sature sua família com as Escrituras. Fale sobre isso de manhã, tarde e noite”, disse ele, destacando o texto de Deuteronômio 6:7-8.

Leia mais...

Gostar de condenar pessoas é “uma das tragédias da igreja moderna”, diz Tim Keller

O renomado pastor e escritor Tim Keller tocou em um dos pontos delicados da vivência cristã, que é a responsabilidade do julgamento. Ele destacou o assunto quando tratado pelos líderes, especificamente os pregadores, dizendo que muitos se preocupam mais em “condenar pessoas” ao invés de amá-las.

Keller falou durante o programa TBN, de Mike Huckabee, comentando sobre o lançamento do seu novo livro, onde citou a história de Jonas para ilustrar como algumas pessoas pregam a Palavra, mas sem amor pelos ouvintes.

“Jonas foi para a cidade e pregou, mas não amava a cidade”, disse o pastor, ressaltando a reação de Deus em seguida, ao expor a contradição de Jonas: “Isso não foi bom o suficiente para Deus, porque no final, ele diz a Jonas: como você pode não amar uma cidade com 120 mil pessoas que não me conhecem?”, disse ele.

Leia mais...

Redenção: judeus se unem em clamor a Deus pedindo que Ele “acelere” a vinda do Messias  

Os atuais eventos mundiais levaram um grupo de rabinos a fazerem um clamor em concordância pela vinda do Messias, que para os cristãos, seria a segunda vinda de Jesus.

O clamor, realizado em Jerusalém, foi liderado pelo rabino Shlomo Amar, um dos chefes religiosos da cidade, ao final da Conferência Internacional da Chabad-Lubavitch, uma das maiores organizações judaicas do mundo.

De acordo com informações do Breaking Israel News, a Conferência da Chabad-Lubavitch reuniu mais de seis mil rabinos e líderes judaicos de 75 países.

Ao comentar o clamor, o rabino russo Berel Lazar destacou que há 25 anos os líderes religiosos judeus discutem a declaração de uma din psak, uma decisão rabínica oficial, sobre o pedido de redenção do povo judeu.

Sobre essa questão, o rabino Amar concordou que havia chegado a hora de anunciar o pedido a Deus para que Ele “acelerasse” a chegada do Messias, propiciando a “redenção final” dos judeus.

Leia mais...

Evento evangelístico reúne mais de 100 mil pessoas e centenas entregam suas vidas para Cristo 

Um megaevento evangelístico reuniu mais de 100 mil pessoas no Peru, tendo como único objetivo proclamar a salvação em Jesus Cristo, possibilitando a conversão de centenas de pessoas após uma série de pregações e atos de adoração a Deus em várias partes do país.

O evento se tratou da 28ª Convenção Nacional no Peru, organizado por igrejas pentecostais do Movimento Missionário Mundial, sob o tema “Jesus Muda Você”.

Visando obter maior alcance de público e extensão nacional, o evento foi realizado separadamente em três regiões do país, sendo elas  Arequipa, Trujillo e na capital, Lima.

“Para que mais cristãos possam ter o privilégio de adorar a Deus, em um ambiente onde a presença do Senhor se move com liberdade”, diz a Convenção Nacional Descentralizada (CND) do país.

Como na maioria das conferências evangelísticas, o “Jesus Muda Você” contou com a participação de vários pregadores, cantores e personalidades do mundo cristão local. Entre eles estiveram os representantes do Movimento Missionário Mundial, como:

Leia mais...

Faculdade Evangélica Azusa cede à pressão e passa a aceitar relacionamentos homossexuais

Uma importante faculdade cristã de origem pentecostal nos Estados Unidos cedeu às pressões da militância LGBT e anunciou que irá consentir com relacionamentos e manifestações públicas de afeto entre homossexuais em seu campus.

A Faculdade Evangélica Azusa Pacific, na Califórnia, anunciou a decisão na semana passada, e o jornal estudantil Zu Media informou que funcionários da universidade cristã na Califórnia decidiram remover a linguagem do padrão de conduta do aluno que anteriormente proibia tais relacionamentos no campus.

A faculdade traz no nome o endereço do maior avivamento pentecostal já registrado nos Estados Unidos, iniciado durante um culto na Igreja Metodista Episcopal da rua Azusa em 14 de Abril de 1906, e que influenciou toda a nação até meados de 1915.

A direção da faculdade afirmou que, apesar da mudança, marcada para entrar em vigor no segundo semestre de 2018, ainda apoia os “princípios bíblicos da sexualidade humana”, na crença de que “a união sexual é planejada por Deus para ocorrer somente dentro da aliança matrimonial entre um homem e uma mulher”.

Leia mais...

Bispo alerta que pastores estão mais preocupados com microfones e multidões, e não com vidas

A essência da pregação evangelística está em anunciar Jesus Cristo como único e suficiente Salvador. Todavia, para o bispo T.D. Jakes, fundador da megaigreja The Potter’s House Church em Dallas, nos Estados Unidos, muitos pastores estão se preocupando mais com o uso do microfone do que em ganhar e cuidar de vidas para Deus.

Jakes explica que o principal testemunho do cristão não está atrás de um púlpito ou no uso do microfone, mas na relação que estabelecemos com o próximo. A falta dessa consciência tem feito alguns se preocuparem mais com os aspectos teóricos da pregação do que com a sua prática através do testemunho.

“Temos nos preocupado mais com as pregações do que ganhar almas”, disse Jakes. “Os pregadores costumavam testemunhar no supermercado, em qualquer lugar, não precisavam de um microfone, não precisavam de uma multidão”.

Para Jakes, um dos problemas relacionados a isso é a reprodução do mesmo padrão de pensamento e comportamento. Ou seja, o ouvinte erra porque já aprendeu errado. “O importante disso é que as pessoas começam a fazer o que você faz e, se você não for um ganhador de almas, pode até ensinar o que sabe, mas irá reproduzir o que você é”.

Leia mais...

Ex-gay testemunha libertação, sofre ameaças e é agredido: “Temo pela minha vida” 

A forma como a sexualidade humana é construída e vivenciada é singular. Isto significa que o destino que cada pessoa deseja dar para ela, também. No caso de Andrew Caldwell, ele escolheu seguir o que a Bíblia ensina como a vontade de Deus para todos nós, conseguindo abandonar o comportamento homossexual e hoje testemunhar como a sua vida mudou radicalmente.

Caldwell chamou atenção do público quando um vídeo com seu testemunho foi divulgado nas mídias. De lá para cá, a convicção da sua identidade sexual heterossexual apenas ganhou forma. Ele não apenas conseguiu abandonar o homossexualismo, como desenvolver atração pelo sexo oposto.

“Agora eu me sinto atraído por mulheres. Eu não me sinto mais atraído por homens. Eu estou liberto disso”, disse ele em uma entrevista recente, segundo o portal The Christian Post.

A homossexualidade em Caldwell, ao que parece, possuía raízes profundas, pois desde muito novo ele já sentia-se atraído por homens, mesmo frequentando a igreja. “Eu sempre participei da igreja”, disse ele. “Mas eu ia só para clamar a Deus e depois eu dormia com algum homem. Mas naquele dia a homossexualidade saiu de mim”.

 

 

 

Leia mais...

Pastor diz que nos odiamos “porque nos esquecemos do evangelho” em nome das diferenças

Os ânimos ficam exaltados em época de eleição. Por conta disso, muitos irmãos em Cristo se esquecem do foco principal do Evangelho e entram em disputas que no lugar de unir, terminam acentuando nossas diferenças e nos distanciando do amor cristão.

O pastor americano Mike Leake fez questão de ressaltar essa realidade em um artigo publicado em seu blog, intitulado: “Vamos ser Honestos e Admitir que Odiamos uns aos Outros”.

“Você é um democrata? Um republicano? Algo no centro? Você é um calvinista? Um arminiano? Ou algum híbrido de ambos? Você é um guerreiro da justiça social? Você é alguém que acredita que as questões de justiça social estão indo longe demais? Ou você está confuso e não tem certeza de onde você é?”, questiona Leake no início do texto.

Leia mais...

Esposa de líder cristão morre enquanto dormia: “Você não sabe quando o Senhor vai te chamar” 

Uma partida sem aviso, foi assim a morte da esposa do escritor, palestrante e diretor executivo do ministério de rádio cristão The Urban Alternative, Jonathan Pitts. Ela faleceu enquanto dormia em sua casa, com apenas 38 anos, deixando quatro filhas, esposo e familiares desolados.

Apesar disso, Pitts encontrou em Deus a certeza de que a vida da esposa estava nas suas mãos, já que ela passou a vida inteira se dedicando ao Senhor. Wynter Evans Pitts também escrevia para um blog, foi fundadora da revista For Girls Like You e era sobrinha do pastor Dr. Tony Evans.

Leia mais...

Pastores alertam para epidemia de suicídio e estimulam ações de prevenção 

Os casos recentes de suicídio mobilizaram lideranças evangélicas brasileiras e internacionais para alertar a Igreja sobre a necessidade de olhar atentamente para a saúde mental e emocional das pessoas à volta.

Silas Malafaia, pastor da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) e psicólogo, usou o Twitter para compartilhar uma reflexão sobre o tema: “O ser humano não tem estrutura para ter uma vida com longos períodos de angústia, porque ela nos faz adoecer fisicamente. Deus, porém, é poderoso para nos livrar dela e trazer paz ao nosso coração. ‘Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia’ (Sl 46.1)”, escreveu.

O pastor aproveitou para comentar sobre um trabalho dedicado aos pastores e pensado como forma de prevenir casos como os registrados recentemente. “A campanha Setembro Amarelo tem o objetivo de prevenir o suicídio, que, infelizmente, tem atingido milhares de pessoas, inclusive pastores. Foi por isso que criei o Pastores Juntos, um projeto para caminharmos juntos e compartilharmos os desafios do ministério”, disse Malafaia.

Leia mais...

Escritor expressa preocupação com pregadores despreparados ministrando nas igrejas 

O conhecimento bíblico é indispensável para quem se propõe a divulgar a mensagem do Evangelho. No entanto, nos últimos anos, a Igreja tem assistido, e colaborado, com o surgimento de pregadores despreparados em termos teológicos, o que é um risco perturbador segundo o escritor cristão Daniel Juster.

Juster expressou sua preocupação em um artigo publicado pelo portal pentecostal Charisma News, alertando para o fato de que o carisma dos pregadores jovens pode ocultar a abordagem equivocada da Palavra, mas não pode impedir os efeitos nocivos da distorção do Evangelho.

“Hoje, estamos lidando com um problema significativo. Grande parte da teologia está sendo ensinada aos crentes pela pregação de estrelas da mídia e líderes da Igreja que eu chamaria de pregadores de baixa informação”, contextualizou o escritor. “Eles podem ter carisma, e eles podem até segurar bem uma multidão, mas às vezes dizem coisas estranhas e até mesmo heréticas”, destacou.

Leia mais...

Cristãos fazem campanha contra violência nas escolas: “A oração é a nossa maior arma” 

O momento não é de passividade! Esse é o pensamento do pastor Ronald Floyd, presidente do Dia Nacional de Oração dos Estados Unidos e líder da Cross Church. Ele decidiu fazer uma campanha de oração pelas escolas da sua região, após uma série de tiroteios que aterrorizou a comunidade e chamou atenção do mundo todo.

O pastor explicou que a posição da igreja evangélica diante da situação deve ser de confronto e não de passividade. Uma atitude, entretanto, que visa atingir o mundo espiritual.

“Às Escrituras nos dizem que nossa luta não é contra inimigos físicos, mas contra as forças espirituais do mal (Ef 6:12)”, explica o pastor.

“Isso é fundamental. Quando oramos, não estamos simplesmente pedindo a Deus que nos proteja de ataques violentos. Na verdade, estamos combatendo as forças malignas por trás desses ataques. A oração é a nossa maior arma contra o mal”, completa.

Leia mais...

Ministro do STF suspende lei que proibia erotização infantil e ideologia de gênero nas escolas

As discussões sobre a erotização infantil nas escolas vem sendo impulsionada pela campanha de Jair Bolsonaro (PSL) à presidência da República. Ao mesmo tempo, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu os efeitos práticos de uma lei que impedia o ensino ligado à ideologia de gênero nas escolas.

Na última terça-feira, 28 de agosto, Bolsonaro foi entrevistado no Jornal Nacional e expôs um livreto que integra a gama de materiais didáticos que vêm sendo usado, ao longo dos anos, nas escolas públicas. A recusa dos apresentadores do telejornal da TV Globo em mostrar o conteúdo do material despertou a curiosidade de diversos brasileiros desavisados sobre a realidade da erotização infantil patrocinada pelo governo.

Nesse mesmo contexto, o ministro Barroso – que defende a legalização das drogas e do aborto– decidiu conceder liminar suspendendo uma lei da cidade de Palmas (TO) que proibia o ensino sobre sexualidade e ideologia de gênero nas escolas públicas municipais.

Leia mais...

Ativismo ateu marcado por intolerância religiosa e perseguição já desembarcou no Brasil, diz teólogo 

O ativismo ateu, também tratado como neo-ateísmo, segue uma lógica particular de tentativa de convencimento de religiosos sobre a nãoexistência de Deus, mas também de “proselitismo”, já que tenta atrair quem esteja indiferente na discussão através de argumentos, a princípio, racionais, mas que terminam se traduzindo em perseguição religiosa.

O tema foi discutido no programa De Tudo Um Pouco, da Rede Super de Televisão, com o teólogo Rodrigo Silva, que definiu o neo-ateísmo como um “evangelismo às avessas”.

“Vemos o advento do ateísmo com força, e ele tem diferenças do ateísmo clássico, do século 18, 19 e início do século 20. Qual a diferença? O chamado neo-ateísmo é acima de tudo evangelizador, pois ele tem seus pregadores. […] Vários autores estão popularizando através de livros, querendo levar a juventude para essa ideologia ateia”, disse o teólogo.

Leia mais...