ANIVERSARIANTES DA SEMANA   

08-Mª da Conceição;

09-Vanellya Bruna;

09-José Afonso (E. Sátiro);

10-Neusa de Moura;

12- Dc Edvando Bonifácio;

14-Mª Teodória; 

SOLDADOS DE CRISTO: o Presb. Franklin José, responsável pelo mais novo empreendimento da Igreja – Grupo Soldados de Cristo, convida os juniores e adolescentes, a partir de 10 anos de idade, para participarem desse projeto.  As inscrições começarão no próximo 09/12 e poderão ser feitas com as irmãs Laércia e Christyanne. Os ensaios começarão no segundo sábado de 2020 (11/01), no horário de 14h as 16h. Pedimos aos pais e avós que incentivem aos seus filhos e netos a participarem desse projeto.

Tamanho da letra:

As Sagradas Escrituras

      Aprouve a Deus, segundo a sua vontade, autorevelar-se as suas criaturas. Uma parte da revelação foi feita através das coisas que foram criadas, através do próprio homem, da história, da providência,... Em teologia essa revelação é conhecida como Revelação Geral. A outra parte da revelação de Deus foi feita através das Sagradas Escrituras. Essa revelação é chamada de Revelação Especial e ela tem caráter salvífico. Nas Escrituras, Deus revelou-se paulatinamente, ao longo das eras. A Bíblia foi escrita num período de 16 séculos, por aproximadamente 40 escritores de diversoss segmentos culturais.

As Sagradas Escrituras compõem-se de duas partes: O Antigo e o Novo Testamento. O Antigo Testamento contém 39 livros, assim classificados: O Pentateuco (cinco livros): Gênesis a Deuteronômio; os Livros Históricos (doze livros); Josué a Ester; os Livros Poéticos (cinco livros): Jó a Cantares; e os Livros Proféticos (dezessete livros): Isaías a Daniel (Profetas Maiores); Oseías a Malaquias (Profetas Menores). O Novo Testamento contém 27 livros, classificados desta maneira: Os Evangelhos (quatro livros): Mateus a João; Livro Histórico (um livro): Atos dos Apóstolos; as Epístolas Paulinas (treze livros): Romanos a Filemon; a Epístola aos Hebreus; as Epístolas Gerais (sete livros): Tiago a Judas; e o Livro da Revelação: Apocalipse.

As Sagradas Escrituras, no seu conjunto, foi inspirada por Deus verbal e plenariamente (2 Tm 3.16; 2 Pe 1.19-21), ou seja, tudo o que foi escrito teve a poderosa ação do Espírito Santo, usando homens escolhidos para isso.

        O Senhor Jesus Cristo é o tema central das Sagradas Escrituras. Em Gênesis Ele é a Semente da Mulher. Em Êxodo é o Cordeiro Pascoal. Em Levítico é o Sacrifício Expiatório. Em Números é a Rocha e em Deuteronômio é o  Profeta. Em Josué é o Comandante dos Exércitos do Senhor.  Em Juízes é o Libertador. Em Rute é o Parente Remidor. Em 1 e 2 Samuel, 1 e 2 Reis e 1 e 2 Crônicas é o Rei de Israel. Em Esdras e Neemias é o Restaurador. Em Ester é o Advogado. Em Jó é o  Redentor que vive. Em Salmos é Tudo em todos. Em Provérbios é a Sabedoria Divina. Em Eclesiastes é a Razão Suprema do Viver. Em Cantares é o Amado. Nos Profetas é o Messias. Nos Evangelhos é o Cristo. Em Atos é o Espírito. Nas Epístolas é a Cabeça da Igreja. Em Apocalipse é o Alfa e o Ômega.

Devemos ler a Bíblia continuamente para sermos sábios, para vivermos neste mundo com sabedoria, e devemos obedecê-la para sermos santos, a fim de vivermos de uma maneira que agrade a Deus.          

Pr. Eudes Lopes